terça-feira, março 28, 2006

MOVIMENTO PERPÉTUO


Gosto do movimento perpétuo que fazes
Uma dança de luzes e sons .
Andas ao redor do meu pescoço
Falas-me ao ouvido
Fecho os olhos, estremeço.
Agarro-te
Voamos os dois
Em piruetas de sons
Num movimento perpétuo
De volta da lua, ao redor do sol
Voamos os dois
E tu andas ao redor do meu pescoço
Confessas-me ao ouvido
Tudo o que queria escutar
Agarras-me
Levas-me contigo
Voamos os dois
Nas nuvens de algodão doce como crianças
Andamos no carrossel mágico
Escutamos a música no realejo
Lêem-nos a sina na palma da mão
As linhas da vida
A minha e a tua, o futuro nosso
As palavras da cigana, adivinha.
O sorriso cúmplice trocado.
Voamos os dois aqui e agora
Por montes e vales, florestas densas.
Atravessamos oceanos de pólo a pólo
Cruzamos o equador
De cá pra lá e de lá pra cá.
Paramos cansados
Então descanso.
Tu não paras. Rodopias de novo, és pião, pirueta.
Gosto do movimento perpétuo que fazes…

João marinheiro ausente
Fotografia de Barcoantigo

7 comentários:

chuvamiuda disse...

.....gosto das tuas viagens és um marinheiro à séria.....

Abraço

Claudia_peixinha disse...

Ao ler-te comparei o acto de fazer AMOR á dança que descreves.
Será que é disso que falas?

Bjs!

© Piedade Araújo Sol disse...

...fiquei sem palavras...

Ana Luar disse...

É o movimento que faço com a cadeira, enquanto me olhas... um pouco infantil eu sei, mas gosto deste movimento perpétuo, talvez seja nervosismo ou apenas uma mania de não conseguir estar quieta...mas neste movimento, danço contigo nas asas do vento em direcção ao sol e à lua. É este o meu movimento perpétuo...no qual me embalo até adormecer no lado de dentro, dos braços do sonho.

Lagoa_Azul disse...

Lindissimo, também tu navegas nas palavras como se dominasses o mar...

Deixo-te votos de boa noite, e beijos com carinho

Héctor Ojeda disse...

El movimiento aumenta el placer de todas maneras, muy bello, como las olas mueven al barco. Abrazo.

A. disse...

:)