terça-feira, abril 11, 2006

A explicação possivel...

Aos navegantes que por aqui aportam, vindo não me interessa de onde, porque vem ou para onde vão depois.
Pelas palavras GRANDES que dirigiram ao poeta que escreveu sobre esta historia resumida a 10 miseros contos por resolver.
A todas as interrogações deixadas, as perguntas que ficaram por responder. Ainda o poeta busca as respostas confessou-me um destes dias...
Um obrigado. Meu e do poeta marinheiro.
Eu, pessoalmente estou cansado.
O poeta confessou a inutilidade das palavras, a falta notória de inspiração.
Assim e uma vez que vai de viagem para o outro lado do mundo, o tal mundo ao contrário, deixo de fazer falta, remeto-me ao silêncio, na esperança que volte.
Abraços feitos de memórias. Memórias virtuais...

João marinheiro

15 comentários:

Claudia_peixinha disse...

È com muita pena que leio o post de hoje,fazes-me falta a mim e a tantas pessoas que aqui te vêm ler,sem~pre "curiosas"da tua poesia.

Se adiantar de alguma coisa,te peço

~~~~~~~~NÂO VÀS EMBORA~~~~~~~~

Bjs!

Anónimo disse...

porque vais embora?
sei que vais triste
eu tb tenho de ir foraçada economicamente, mas pq vais?
e maravilhoso o que editas em teu blog
vou ter saudades...
fica....
http://quemestaai1.blogs.sapo.pt

Sandra disse...

fico triste só de imaginar q vou deixar de ler as belas palavras q escreves cheias de sentimento. é uma pena q tenhas q te ausentar.



Um abraço amigo
Sandra

Anónimo disse...

não precisas de ser tão radical, tu escreves bem, maravilhosamente bem, continua não pares, não desistas agora, O Poeta tem que continuar para eu ser o teu Poema. Eu peço-te por favor e com lágrimas nos olhos, não desistas,não desistas, Meu Amor.


ASS: Aninhas

Anónimo disse...

Ó João Marinheiro, não quero que te vais embora! Escreves tão bem!
As tuas palavras, marulhar das ondas!

Lua

Claudia_peixinha disse...

Passei aqui pra me certificar que mudaste de ideias.Amanhã espero ter essa alegria.


Bjs!



(Jantar no Porto dia 29 Abril)

a.s. disse...

olá lobo do mar...

um beijinho para ti...

alice

Lumife disse...

Votos de Boa Páscoa.

© Piedade Araújo Sol disse...

..quando nao gosto de algo, bloqueio...e remeto para um lado secreto, deito a chave fora. Hoje, li o que aqui está escrito..mas digo assim: NAO LI...

Claudia_peixinha disse...

Desejos de Páscoa feliz:)

~~~~~~~~Bj~~~~~~~




(Dá noticias)

a.s. disse...

querido amigo,

desejo-te uma doce páscoa

um beijinho,

alice

Mendes Ferreira disse...

b e i j o .....


com a saudade a boiar.....


beijo. à espera.

tb disse...

...E sempre que o vento esteja de feição, ao meu porto de abrigo podes voltar, pois que lá encontrás um cantinho aconchegante onde fiques à espera de novas marés e me ensinando a arte de marear...
Gostei de, com surpresa, as velas do teu barco avistar!

Mikas disse...

Resto de bom fim xemana gandi

Mendes Ferreira disse...

....mas o homem não se desprende do que é....e em si a Poesia é....!



_____________________sorriso!