sexta-feira, abril 04, 2008

Incompleto...



Sonhei-te demasiadas vezes
E desejei-te outras tantas

Queria-te com a força do náufrago
Em busca do salvamento a terra

E fomos trevas

Sonho

Desejo apenas



João marinheiro, Abril 2008
Fotografia de Barcoantigo 2007

6 comentários:

tb disse...

belo!
abraço de luz que rompe as trevas

Bichinho disse...

Sonhei-te ...
Mar a dentro ...
Num corpo muribundo ...
Onde a margem das emoções sonho-te...
Beijo fantasma.
Perdoa a emoção...

M. disse...

Culpa tua. Deixaste estagnar as águas em lugar de mergulhares nelas. No sonho azul. Nunca basta querer.

Vanda disse...

Quando o sonho toma conta de um coração...não há ilha que o salve.


Naufragio sem mar?


Beijo de saudade partilhada.

Ana Luar disse...

Desejos...
tentações...
vontades...
vibrações...
sonhos...
palavras... que belas palavras!

Não são João... ou são?

:)


Beijo meu........ em ti

Maria Henriques/mariahenriques08 disse...

gostei imenso
saudando a poesia deste blog,